Além do Detran, Automóvel Clube Brasileiro também emite a Permissão Internacional para Dirigir

em Brasil/News & Trends por

Está fazendo planos para viajar para fora do país e não sabe que é necessário obter um documento para conduzir moto ou carro? A permissão internacional para dirigir, mais conhecida como PID, é um documento que habilita o condutor a conduzir veículos automotores da sua categoria, para uso no exterior, em países que fazem parte das convenções e acordos internacionais que tratam sobre o assunto. De acordo com a Portaria DENATRAN nº 251/2017, o Automóvel Clube Brasileiro está autorizado a expedir a PID para brasileiros em todo o território nacional. O documento tem validade de três anos e é preciso portá-lo junto com a Carteira Nacional de Habilitação.

Mesmo em países que não possuem a exigência da PID, é importante estar com o documento por ser internacionalmente reconhecido e traduzido em nove idiomas, com o objetivo de facilitar a checagem das informações do condutor, tanto para locações de veículos quanto em fiscalizações das autoridades locais.

De acordo com o Consultor de Relacionamento do Automóvel Clube Brasileiro, Marcello Brandão, “nosso papel com a emissão da PID é facilitar para o condutor que quer praticidade para dirigir em outros países e não ter aborrecimentos caso seja parado por um policial no trânsito. O Automóvel Clube Brasileiro proporciona o acesso a PID de forma ágil e sem burocracia, tanto que a solicitação pode ser feita online. É importante lembrar que o acordo da Convenção de Viena possui a finalidade de facilitar a comunicação entre a autoridade estrangeira e o condutor que possui o documento. Não podemos afirmar que a Carteira Nacional de Habilitação serve para conduzir veículos em outros países, pois nem todas as locadoras alugam carros para estrangeiros com a CNH. As que são referências no mercado e as de maior porte solicitam a PID”, explicou.

Quando o turista apresenta somente a CNH para uma autoridade de trânsito que não conhece a língua portuguesa, isso pode gerar dúvidas ao responsável pela fiscalização. Existem casos de motoristas que foram multados na Argentina, por estarem somente com a CNH e não portarem a PID. Caso o turista não domine o idioma local, a dificuldade para responder todos os questionamentos do agente de trânsito, é considerada mais um obstáculo para mostrar que o documento apresentado está correto.

O Automóvel Clube Brasileiro proporciona o acesso a Permissão Internacional para Dirigir (PID) de forma ágil e sem burocracia. A permissão pode ser adquirida no portalhttps://carteirainternacional.org/. É só preencher o formulário com um único cadastro, efetuar o pagamento com segurança e no prazo máximo de três dias, a permissão é despachada pelos Correios.

Países onde a PID é aceita

África do Sul, Albânia, Alemanha, Anguilla (Grã Bretanha), Angola, Argélia, Argentina, Arquipélagos de San Andrés, Providência e Santa Catalina (Colômbia), Austrália, Arábia Saudita, Armênia, Áustria, Azerbaidjão, Bahamas, Barein, Bélgica, Bermudas, Bielo-Rússia, Bolívia, Bósnia e Herzegovina, Bulgária, Cabo Verde, Canadá, Catar, Cazaquistão, Ceuta e Melilla (Espanha), Chile, Cingapura, Colômbia, Congo, Coréia do Sul, Costa do Marfim, Costa Rica, Croácia, Cuba, Dinamarca, Emirados Árabes Unidos,  El Salvador, Equador, Eslováquia, Eslovênia, Espanha, Estados Unidos, Estônia,  Federação Russa, Filipinas, Finlândia, França, Gabão, Gana, Geórgia, Gibraltar (Colônia da Grã Bretanha), Grécia, Guatemala, Guiana, Guiné-Bissau, Haiti, Holanda, Honduras, Hungria, Ilhas da Grã-Bretanha (Pitcairn, Cayman, Malvinas e Virgens), Ilhas da Austrália (Cocos, Cook e Norfolk), Ilhas da Coroa Britânica (Canal), Ilhas da Colômbia (Geórgia e Sandwich do Sul), Indonésia, Irã, Iraque, Israel, Itália, Kuwait, Letônia,  Libéria, Líbia, Lituânia, Luxemburgo, Macedônia, Marrocos, México, Moldávia,  Mônaco , Mongólia, Montenegro, Montserrat (Grã Bretanha), Namíbia, Nicarágua,  Níger, Niue (Nova Zelândia), Noruega, Nova Zelândia, Nueva Esparta (Venezuela),  Panamá, Paquistão, Paraguai, Peru, Polônia, Portugal, Quênia, Quirguistão, Reino Unido (Escócia, Grã-Bretanha, Inglaterra, Irlanda do Norte e País de Gales), República Centro Africana, República Tcheca, República Dominicana, Romênia, San Marino,  Santa Helena (Grã Bretanha), São Tomé e Príncipe, Seicheles, Senegal, Sérvia, Suécia,  Suíça, Tadjiquistão, Terras Austrais e Antártica (Colônia Britânica), Território Britânico na Antártica (Colônia Britânica), Território Britânico no Oceano Índico (Colônia Britânica), Toquelau (Nova Zelândia), Tunísia, Ilhas Turcas e Caicos (Colônia Britânica),  Turcomenistão, Turquia, Ucrânia, Uruguai, Uzbequistão, Venezuela, Vietnã e Zimbábue.

loading...

Comentários no Facebook