Vazam informações sobre o programa Quantum da NSA

em Mundo/News & Trends/Política/Tecnologia e Ciência por

Edward Snowden revela como os espiões do governo americano monitoram computadores desconectados.

O ex-analista de inteligência americano da Agência de Segurança Nacional e denunciante Edward Snowden, revelou que a NSA utiliza a tecnologia da velha escola para espionar computadores offline. A NSA tem usado o programa secreto, de codinome Quantum, para monitorar cerca de 100.000 computadores desconectados em todo o mundo.

O relatório saiu alguns dias antes do presidente Obama anunciar as novas restrições sobre programas de vigilância que restringem as atividades da NSA.

Com o Quantum, a NSA acessa computadores através de ondas de rádio emitidas a partir de uma variedade de dispositivos personalizados. Apelidado de “Cottonmouth I”, a placa USB é modificada para conter um pequeno emissor-receptor de rádio que transmite e recebe dados do computador secretamente.

A NSA também usou pequenas placas de circuitos instalados em computadores portáteis que transmitem dados à agência, mesmo quando o computador está completamente isolado da Internet. Estas placas de circuito se comunicam com uma estação de retransmissão – que a NSA chama de “cabeceira”. Essas cabeceiras podem atacar um computador a uma distância de aproximadamente 13 quilômetros e inserir pacotes de dados mais rápido do que os métodos tradicionais, permitindo que a NSA entregue falsas informações mais rápido do que o download.

Além da espionagem, o Quantum ajuda a NSA transmitir malwares software destinado a se infiltrar em um sistema de computador alheio de forma ilícita, com o intuito de causar alguns danos, alterações ou roubo de informações (confidenciais ou não) para computadores e lançar ataques cibernéticos coordenados.

O Quantum também tem como alvo iPhones e servidores de rede. Com o tempo, a NSA atualizou a tecnologia para torná-lo mais fácil de acessar os sistemas de computadores sem a necessidade de acesso físico.

O relatados indicam que a NSA tem usado esta tecnologia em ataques contra as instalações nucleares do Irã e para monitorar redes na China, Rússia, União Europeia, Arábia Saudita, Índia e Paquistão, e também os cartéis de drogas.

Quando alguns desses países, especialmente a China, instalaram uma tecnologia semelhante em sistemas americanos, os oficiais de defesa dos EUA protestaram .

Snowden também revelou que os EUA estabeleceram dois centros de dados na China com a tarefa de enviar malwares aos computadores. A NSA tem argumentado que esta vigilância é para a segurança nacional, enquanto a pirataria chinesa visa roubar propriedade intelectual.

A NSA assegurou que o Quantum não tem sido utilizado em computadores dos EUA, mas apenas contra alvos de inteligência de outros países.

Snowden apresentou a um jornal holandês, um mapa que mostra onde o NSA inseriu o software espião, e a revista alemã Der Spiegel publicou um vazamento sobre o hardware que pode secretamente transmitir e receber os sinais de rádio.

O presidente Obama deve anunciar em breve mudanças nas práticas da NSA. As novas regras foram baseadas em recomendações de um painel consultivo que concordou com o Vale do Silício que os programas da NSA minaram a confiança nos produtos tecnológicos norte-americanos. É esperado que o presidente proíba a prática da NSA de explorar falhas de software para espionar americanos, programas concebidos para romper sistemas de criptografia e a criação de vias de acesso secretas em sistemas de computador.

Foto: Divulgação / nsa.gov
© 2014, Newsweek.

loading...

Comentários no Facebook