Como se tornar um profissional extraordinário em 2015?

Published

on

O ano de 2014 já está chegando ao fim, e com ele, as metas e desejos que dominaram a mente das pessoas, no início do ano, começam a entrar em um novo campo: a dos questionamentos e cobranças. Afinal, a maioria não fez nada para alcançar o que foi estabelecido porque têm dificuldade de deixar a zona de conforto e segurança.

Foto: Reprodução

Alexandre Slivnik, autor do best seller “ O Poder da Atitude” e “ O Poder de Ser Você”, revela que são as atitudes que definem o sucesso, e essa virtude é a maior carência no mundo corporativo. “As pessoas sabem o que precisam fazer, mas não o fazem. Não importa quanto saibam os seus objetivos, o caminho que devem seguir, e o ponto que querem chegar, como querem se deslocar até lá, se não derem o primeiro passo, depois o segundo, e assim, por diante. Nada vai acontecer se não partir exatamente para a ação na busca da excelência. Acredite no poder da atitude. Digo isto porque segunda-feira é dia da atitude, das matriculas da academia, e dia 1 de cada ano é o dia mundial das promessas e o que acontece: absolutamente nada. O que isso significa? Que quando uma decisão é tomada para começar somente no dia seguinte, significa que não há certeza sobre a escolha ou, pior, não tem determinação para agir. E sem esses dois itens, ninguém vai para frente”, destaca.

Slivnik destaca que as pessoas que alcançam o sucesso e atingem seus objetivos possuem pelo menos dez características positivas: motivação, foco, iniciativa, inteligência emocional, ética, comprometimento, resiliência, criatividade, persistência e busca constante por autodesenvolvimento.  “ Profissional com esses atributos fazem a diferença. Toma as rédeas de sua carreira e dá a direção que lhe interessa.  Os profissionais extraordinários revolucionam o modo como as coisas são feitas, mudam as maneiras de pensar do mundo e buscam novas soluções para problemas antigos, fazem as coisas diferentes e se destacam na multidão. Controlam seus medos e os usam a seu favor, em vez de deixar que atrapalhem seus planos e destruam seus sonhos”, afirma o autor.

Aliar-se a quem está no caminho que deseja seguir ou a quem já passou por ele e conquistou lugares altos também é uma aposta valiosa para quem deseja conquistar um novo objetivo. “Aprenda a delegar tarefas, busque sempre inovar, fazer diferente, fazer melhor e compartilhar experiências positivas, tenha coragem de enfrentar e resolver problemas. Tenha determinação, vontade e garra. Isso não pode faltar para quem almeja o sucesso”, relata Slivnik.

Outro ponto particularmente importante para chegar a ser um profissional extraordinário é a ação. Por isso ele não precisa esperar surgir uma vaga na organização, pois vai atrás das oportunidades, busca o trabalho que deseja e faz a própria carreira, em vez de deixar os outros decidirem por ele. Muitas vezes, ele é procurado pelo mercado com tentadoras ofertas de emprego que permitem manter o que foi conquistado.

Mas para que ocorra um crescimento profissional qualitativo, é preciso também saber avaliar o ambiente no qual está inserido e perceber quais são suas reais possibilidades de permanecer com aquela equipe, e se vale a pena. “Não prenda ou empenhe suas forças em coisas em que não acredita. Não se amarre a uma organização se não houver possibilidade de crescimento. Não é apenas colecionar cargos, porque o mais importante é se desenvolver profissionalmente. Nesse caso os ganhos reais serão no médio e longo prazo. Mas serão recompensadores.”.

De acordo com o escritor e especialista em gestão de pessoas, pode-se manter as relações com os colegas, porque os contatos são um excelente meio de conseguir uma recolocação, mas é fundamental cativá-los e deixar uma imagem de profissional extraordinário. “Não adianta conhecer alguém que possa indicar para uma boa vaga de emprego se a pessoa não vê no candidato um profissional sério, capaz e dedicado e com vontade de vencer”, defende Alexandre.

O melhor conselho, segundo Alexandre, é começar agora mesmo. “Dê o primeiro passo, tome suas providencias e tenha as primeiras atitudes de vencedor. Entre elas está não adiar o sucesso”. Não tomar uma atitude pode hoje pode lhe custar o futuro. A cada dia, centenas de oportunidades são criadas no mundo e centenas de oportunidades são perdidas por aqueles que ficam esperando, que não tomam rapidamente as rédeas da própria vida”, conclui.

 

Por Alexandre Slivnik

Trending

Sair da versão mobile