Inovação: tecnologia garante rede WiFi segura e sem prejuízo para estabelecimentos

Published

on

Foto: apple.com.br

Oferecer acesso à internet é um recurso cada vez mais usado por estabelecimentos comerciais para atrair ou fidelizar clientes. Mas esse benefício frequentemente acaba se transformando em dor de cabeça para o comerciante, uma vez que é comum uma pessoa entrar no estabelecimento, pedir um café, por exemplo, e ficar horas usando a internet, muitas vezes fazendo downloads pesados e comprometendo a navegação de outros clientes. Isso sem falar na questão da segurança, pois nada impede que esse usuário aproveite a conexão (e o endereço IP) do estabelecimento para executar tarefas inadequadas e até ilegais, como enviar SPAMs, invadir web sites e praticar uma série de golpes via internet – o que pode gerar investigações policiais.

Para evitar situações como essas, a Wulcan Distribuidora está lançando no mercado brasileiro o WG500P, um access point integrado ao gabinete de uma mini-impressora térmica, que é plug and play – e, portanto, dispensa a configuração de dispositivos. Essa característica permite que o estabelecimento controle o uso da internet pelos clientes, sem necessidade de fazer investimentos adicionais em infraestrutura ou treinamento de pessoal e sem causar constrangimento a clientes, tornando o compartilhamento uma experiência amigável para todos.

“O grande diferencial do produto é o fato de permitir ao estabelecimento oferecer acesso adequado ao perfil do cliente, cobrando proporcionalmente ao consumo, e até vender acesso para quem não quer consumir nada mas precisa acessar a internet”, observa Carlos Wagner Manzini, Diretor Geral da Wulcan Distribuidora.

Desenvolvido pela fabricante Handlink, o WG500P funciona conectado à rede local do estabelecimento e possui três botões programáveis. Quando uma das teclas é acionada, a impressora emite um boleto para o cliente, com o nome de acesso, a senha e o tempo que ele terá para usar a internet – de poucos minutos a muitas horas, dependendo da estratégia do estabelecimento. O tempo passará a contar a partir do momento em que o usuário fizer o login na rede.

Manzini lembra que os sistemas existentes para gerenciamento e operação de um hotspot WiFi público são muito complexos e envolvem conhecimentos que, dificilmente, um gerente de loja possui. Com o WG500P, basta conectá-lo à rede local já existente e definir o nome da rede que a configuração está pronta – e oferece a segurança necessária. O produto foi concebido para atender à legislação que exige dos proprietários de locais com hotspot o fornecimento de registros de uso da internet pelos clientes, para efeitos de rastreamento.

Advertisement

Destinado principalmente a bares, restaurantes, cafés e hotéis, o produto também pode ter inúmeras outras utilizações, como em escolas, clínicas, aeroportos, shoppings, quiosques, praças ou escritórios. Em vez de dar ao visitante, ou cliente, uma senha de acesso ilimitado à rede local, o estabelecimento oferece acesso como “guest”, por um período pré-definido, e apenas aperta um botão. Cada equipamento WG-500P permite o acesso de até 50 usuários simultaneamente e pode ter até 256 logins e senhas liberadas, válidas para o período definido pelo próprio estabelecimento comercial. No mercado brasileiro, o produto será distribuído pela Wulcan aos canais revendedores/prestadores de serviços.

Trending

Sair da versão mobile