Connect with us

Os efeitos do hipertireoidismo e do hipotireoidismo no corpo

Published

on

Veja como os distúrbios podem afetar todo o organismo e também como tratá-los.

Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

A tireoide é uma glândula endócrina importante para o bom funcionamento do organismo com liberação dos hormônios T4 (tiroxina) e T3 (tri-iodotironina) que formam o conjunto de reações necessárias para assegurar todos os processos bioquímicos do corpo. Quando essa glândula não funciona corretamente, dois distúrbios podem ocorrer como o hipotireoidismo (baixa ou nenhuma produção dos hormônios) e o hipertireoidismo (produção excessiva de hormônios).

Não há um consenso sobre o porquê essas doenças afetam mais as mulheres, porém a incidência aumenta depois dos 30 anos, devido à oscilação hormonal. Muitas vezes a causa é genética. “A herança genética tem alta influência em doenças hormonais, mas é importante observar os hábitos de vida do paciente, uma vez que isso também ajuda no desencadeamento dessas doenças”, revela o médico Mohamad Barakat, endocrinologista.

De acordo com o especialista, com alguns hábitossaudáveis é possível prevenir ambas as doenças. Para o hipotireoidismo a alimentação saudável pode ajudar juntamente com a ingestão do nutriente iodo, que faz bem ao organismo e está presente nos frutos do mar.
Já o hipertireoidismo precisa de mais atenção e cuidado. “A ingestão de alimentos ricos em iodo, como as ostras, moluscos e outros mariscos e peixes de água salgada, algas e o consumo excessivo de sal iodado, pode, em indivíduos predispostos, levar à doença”, aponta Barakat.

Ambos os distúrbios se prevenidos ou descobertos logo no início têm tratamento. “Não existe cura, porém com o tratamento certo o paciente pode levar uma vida normal”, finaliza o especialista.

Advertisement

Continue Reading
Advertisement
Advertisement
Advertisement

Copyright © 2023 The São Paulo Times