Connect with us

Pilates melhora problemas com hérnia de disco

Published

on

Má postura, esforços decorrentes de atividades físicas excessivas ou inadequadas, excessos de carga, obesidade ou carga genética, acidentes e outros fatores podem deformar a estrutura da coluna e causar o que conhecemos como hérnia de disco. Um problema que atinge aproximadamente 5,4 milhões de brasileiros, segundo IBGE – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística.

Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

“Cerca de 20% dos praticantes de pilates são indicados por seus ortopedistas, como forma de correção da postura e complemento ao tratamento. Este mesmo volume é o de alunos que ainda não sabem que sofrem desse problema”, destaca Antonio Claudio Fretz, fisioterapeuta, instrutor de pilates e diretor do Maha Studio do Corpo.

“A prática do pilates pode – e muito – ajudar a essas pessoas. Por ser um método que se preocupa com a postura durante a execução de seus exercícios e ter, em locais sérios uma avaliação postural e análise de fisioterapeuta, o aluno é encaminhado ao instrutor de pilates que deverá desenvolver um programa específico para melhora e, até cura, dessa patologia e, consequentemente, da dor.”, completa o especialista.

Veja a seguir cinco principais benefícios do pilates para este problema:

1. Descomprimir os espaços intravertebrais através da conexão dos músculos responsáveis pela respiração, de forma a reorganizar a coluna em alongamento;

Advertisement

2. Contribuir para o fortalecimento abdominal;

3. Melhorar a mobilidade da coluna para que todas as articulações (vértebras) passem a se movimentar e mantenham-se saudáveis;

4. Melhorar a flexibilidade do quadril e musculatura posterior da coxa (principais causadores do estresse e sobrecarga da musculatura da lombar) e,

5. Fazer a correção postural e reeducação do movimento.

Para finalizar, Fretz orienta que “jamais façam qualquer atividade física sem avaliação. Cada um de nós possui uma estrutura e capacidade física, por isso, é fundamental saber ‘ouvir’ e respeitar os limites do seu corpo”.

Advertisement

Continue Reading
Advertisement
Advertisement
Advertisement

Copyright © 2023 The São Paulo Times