Connect with us

RoboEarth. A “wikipedia dos robôs”

Published

on

Máquinas serão capazes de compartilhar informações e aprender umas com as outras.

Cientistas na Holanda criaram um novo World Wide Web – para robôs. Após quatro anos de pesquisa, a equipe fez a primeira demonstração pública da tecnologia, mostrando quatro robôs ajudando os pacientes dentro de um hospital. Estes robôs usão o sistema RoboEarth como base de conhecimento, meio de comunicação e recurso computacional.

O sistema usa a nuvem para armazenar dados em servidores remotos, que são compartilhados com outros robôs conectados à nuvem. Por exemplo: Se um robô aprende como funciona o serviço de um hospital, os outros robôs saberão instantaneamente. O sistema é tão avançado que também serve para o reconhecimento facial. Se um robô aprende a identificar o rosto de uma enfermeira do hospital, todos os outros robôs a reconhecerá.

A tecnologia para ensinar robôs a aprenderem qualquer coisa está sendo desenvolvida em todos os lugares. Cientistas estão ensinado robôs a dobrarem roupas, a pilotar helicópteros modelo e a fazer curativos, tudo a partir da observação humana.

Advertisement

“O objetivo do RoboEarth é usar a internet para criar um gigantesco banco de dados de código aberto que possa ser acessado e atualizado continuamente por robôs em todo o mundo”, disseram os cientistas. Eventualmente, eles esperam colocar a tecnologia para trabalhar em outras empresas. Até agora, o grupo – com base na Universidade de Tecnologia de Eindhoven, na Holanda, tem a Philips como um dos seus patrocinadores e já publicou 14 artigos que visa padronizar o conceito global.

©2014, iScience Times.

Continue Reading
Advertisement
Advertisement
Advertisement

Copyright © 2023 The São Paulo Times