fbpx
Monday, September 21, 2020
-Smart Writers & Smart Content & Smart Readers-



China contra a corrupção: Medida proíbe casamentos e funerais extravagantes

As autoridades chinesas são obrigadas a obter uma aprovação prévia antes de realizar um casamento ou um funeral. Os funcionários…

By Redação , in Mundo News & Trends , at 01/05/2014 Tags:, ,

As autoridades chinesas são obrigadas a obter uma aprovação prévia antes de realizar um casamento ou um funeral. Os funcionários que trabalham na província meridional de Guangdong precisam dar um aviso de 10 dias antes de realizar qualquer uma das cerimônias para a aprovação de gastos por parte do Estado.

A Comissão Provincial de Guangdong de Inspeção Disciplinar emitiu suas novas regras, como o resultado de um esforço contínuo para combater os gastos extravagantes entre membros do partido, declarou o jornal local New Express Daily.

Os funcionários de todos os níveis terão de informar todos os gastos e planos para grandes eventos privados, com, pelo menos, 10 dias úteis de antecedência, e declarar todos os custos em um relatório anual. As novas regras também proíbem os companheiros de funcionários públicos de frequentar eventos. O departamento de anticorrupção espera que as medidas possam gerar mais conscientização financeira.

A comissão ofereceu uma orientação – conhecida como “quatro nãos” – para esclarecer quais são as violações:

1. Não receber nenhum hóspede companheiro de trabalho;
2. Não aceitar presentes e dinheiro de pessoas relacionadas ao trabalho;
3. Não usar dinheiro de fundos públicos;
4. Não realizar cerimônias extravagantes.

A nova lista de regras é executada como uma unidade global do governo central para combater a corrupção no partido. Desde que assumiu o cargo, o presidente da China, Xi Jinping, continuou a aprofundar a sua repressão sobre os gastos extravagantes, muitas vezes um grande indicador de corrupção dentro do partido, como forma de erradicar ações ilegais em todos os níveis.

Os casamentos na China tornaram-se um foco de corrupção. As cerimônias luxuosas – que muitas vezes incluiem presentes como carros caros – são muitas vezes uma maneira de desenterrar o dinheiro de corrupção ou outros ganhos ilícitos.

Na verdade, a fonte de notícias estatal – Beijing News – relatou que os casamentos luxuosos são responsáveis por cerca de 17 por cento das investigações de funcionários acusados ​​de violar a norma contra gastos ostensivos em 2012.

Um oficial de Pequim teria embolsado 37 mil yuan – cerca de seis mil dólares – de pessoas que compareceram ao casamento de seu filho, incluindo os empresários locais e outros membros da comunidade.

© 2014, IBTimes

Comments


Deixe uma resposta


O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *