fbpx
Tuesday, November 24, 2020
-Smart Writers & Smart Content & Smart Readers-


11 países identificam casos de transmissão do zika por via sexual

A Organização Mundial da Saúde (OMS) publicou nesta sexta-feira (22) novo balanço sobre a situação do zika globalmente, informando que…

By Redação , in News & Trends Saúde & Bem-estar , at 25/07/2016 Tags:, ,

A Organização Mundial da Saúde (OMS) publicou nesta sexta-feira (22) novo balanço sobre a situação do zika globalmente, informando que já são 11 os países que identificaram a transmissão do vírus por via sexual.

A lista de países que registraram a transmissão por via sexual inclui Argentina, Canadá, Chile, Peru, Estados Unidos, França, Alemanha, Itália, Portugal, Espanha e Nova Zelândia.

Na semana passada, os Estados Unidos reportaram o primeiro caso documentado de transmissão do vírus por via sexual de uma mulher para um homem.

De acordo com o relatório da OMS, 62 países e territórios têm evidências de transmissão do vírus zika desde 2015. Além disso, 13 países informaram casos de microcefalia e outras malformações do sistema nervoso central associadas à infecção pelo vírus, sendo o Brasil o país com o maior número de casos de microcefalia, 1.709. O segundo país que mais registrou casos foi a Colômbia, com 21, seguida pelos Estados Unidos, com 15.

Com base nas pesquisas realizadas até o momento, a OMS lembrou que há consenso científico de que a infecção pelo vírus zika está associada aos casos de microcefalia e de síndrome de Guillain-Barré.

“De maneira geral, o risco global não mudou. O vírus zika continua a se espalhar geograficamente para áreas onde seus vetores estão presentes”, disse a OMS.

“Apesar do declínio nos casos de infecção por zika ter ocorrido em alguns países, em algumas regiões desses países a vigilância precisa permanecer alta. Neste estágio, com base em evidências disponíveis, não há um declínio do surto.”

Veja aqui o relatório da OMS (em inglês).

Comments


Deixe uma resposta


O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *