fbpx
Thursday, June 4, 2020
-Smart Writers & Smart Content & Smart Readers-


Brasileiro está mais descuidado com doenças sexualmente transmissíveis

Embora o governo e as organizações sem fins lucrativos invistam periodicamente em campanhas de informação ao público sobre formas de…

By Redação , in Brasil Saúde & Bem-estar , at 18/01/2015

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Embora o governo e as organizações sem fins lucrativos invistam periodicamente em campanhas de informação ao público sobre formas de prevenção contra doenças sexualmente transmissíveis, o brasileiro ainda está descuidado com a saúde sexual. Pelo menos em relação ao uso de preservativos.

Segundo levantamento da Drogaria Nova Esperança, um dos principais varejistas de ecommerce farmacêutico, a procura por preservativos pela internet caiu quase 14% de um ano para outro.

O comportamento descuidado do cidadão, aliado à falta de informação, é, segundo especialistas, uma das grandes causas dos crescentes índices de incidência das DSTs no Brasil. Desde o início da epidemia da Aids, por exemplo, até junho de 2012, o País registrou mais 656 mil casos registrados de aids (condição em que a doença já se manifestou), de acordo com o último Boletim Epidemiológico do governo federal.

Em 2011, foram notificados 38.776 casos da doença e a taxa de incidência de aids no Brasil foi de 20,2 casos por 100 mil habitantes. “Embora a compra de preservativos pela internet não traga nenhum tipo de constrangimento ao consumidor, registramos uma queda no comércio desses produtos entre 2013 e 2014”, ressalta Marcos Dávida, diretor da Nova Esperança.

Comments


Deixe uma resposta


O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *