fbpx
Monday, August 10, 2020
-Smart Writers & Smart Content & Smart Readers-


Dia Internacional da Menina é celebrado no domingo com ação contra violência sexual

No próximo domingo (11) é comemorado o Dia Internacional da Menina e, para marcar a data, a Plan International Brasil…

By Redação , in Brasil News & Trends , at 08/10/2015

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

No próximo domingo (11) é comemorado o Dia Internacional da Menina e, para marcar a data, a Plan International Brasil irá realizar ação em São Paulo, a partir das 16h, no vão do MASP. Serão distribuídas cartilhas da campanha “Quanto Custa?”, de conscientização sobre a violência sexual contra meninas, com informações sobre como identificar e denunciar esse tipo de agressão. Logo em seguida, às 19h, haverá sessão do filme India’s Daughter (Filha da Índia), na Martilha Cultural.

O filme está sendo exibido no Brasil como parte da campanha “Quanto Custa?”, promovida pela Plan International Brasil, organização humanitária internacional pelos direitos da criança e do adolescente. Em nota oficial, a Plan destaca dados do IPEA, que estimam que todos os anos no Brasil 500.000 mulheres são vítimas de estupro e dessas 70% são crianças e adolescentes. Segundo especialistas, a realidade é muito pior, ao se considerar que somente 10% dos casos são notificados.
“India’s Daughter”, de Leslee Udwin, mostra como o estupro coletivo de uma jovem na Índia detonou uma onda de indignação contra a violência contra as mulheres naquele país. Censurado na Índia, o filme está sendo exibido em sessões gratuitas em locais alternativos em todo o Brasil – qualquer pessoa pode requisitar uma sessão, sem custo.
“A violência sexual é a mostra mais clara das consequências de um modelo cultural machista, onde os homens se sentem no direito de usar o corpo da mulher, transformando-o num objeto do desejo e de propriedade do homem”, afirma Viviana Santiago, especialista em identidade de gênero da Plan International Brasil.
Qualquer um pode participar da campanha “Quanto Custa a Violência Sexual contra as Meninas?”, e colaborar para a mobilização e engajamento do Brasil para um grande debate sobre as diversas consequências da cultura machista existente no País. Mais informações sobre a campanha na página do Facebook.

Comments


Deixe uma resposta


O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *