fbpx
Thursday, August 13, 2020
-Smart Writers & Smart Content & Smart Readers-


Dólar e inflação em alta: educação financeira é a saída

Há tempos que o dólar está num patamar elevado, estando agora em R$ 4,15, após ter alcançado ontem (26) a…

By Redação , in Brasil Negócios News & Trends , at 22/01/2016

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Há tempos que o dólar está num patamar elevado, estando agora em R$ 4,15, após ter alcançado ontem (26) a maior marca da história do real: R$ 4,16. É claro que isso tem um impacto, tanto para o lado positivo quanto para o negativo, e é disso que vou falar hoje nesse artigo.

Certos tipos de investimentos possuem ótimos resultados com a valorização da moeda americana; portanto, pessoas que têm dinheiro aplicado neles veem seus rendimentos aumentarem junto com a cotação. Empresas nacionais também ganham com isso, uma vez que os importados – com um preço tão alto – não serão mais uma boa opção frente aos produtos produzidos aqui mesmo.

Sobre os impactos negativos, podemos citar o reflexo no aumento da inflação, que diminui o poder de compra da população. Costumávamos adquirir certos produtos que vêm de fora, desde alimentos até material escolar e eletrônicos, e que, agora, deverão ser consumidos com mais parcimônia ou até mesmo cortados da lista.

Não é motivo para pânico, mas é preciso sim ter cautela nesse momento. Por isso, o melhor a fazer é reunir a família, fazer um diagnóstico da situação financeira, reduzir os excessos e supérfluos e fazer algo que parece óbvio, mas muita gente não consegue: garantir que o ganho sempre seja maior que as despesas. Não adianta ficar colocando a culpa no governo, nas instituições financeiras e no sistema capitalista.

Isso passa por uma mudança de comportamento, que realmente não acontece da noite para o dia, pois está enraizado em cada um. É normal que nos assustemos diante de certas situações, principalmente quando se fala de questões financeiras, mas a verdade é que só depende de nós para continuarmos mantendo o controle, não importam os obstáculos. E o melhor jeito é por meio de um bom planejamento financeiro, estando precavido em momentos como esse de dificuldades.

Já passou da hora de puxarmos para nós a responsabilidade, encararmos a realidade e mudarmos nossos hábitos e costumes para passar por essa situação de maneira sustentável e consciente. A reeducação financeira é a grande solução para os novos tempos.

Por Reinaldo Domingos, mestre em Educação Financeira e terapeuta financeiro, presidente da DSOP Educação Financeira, Abefin e Editora DSOP, autor do best-seller Terapia Financeira, dos lançamentos Papo Empreendedor e Sabedoria Financeira, entre outras obras.

Comments


Deixe uma resposta


O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *