fbpx
Friday, January 22, 2021
-Smart Writers & Smart Content & Smart Readers-


Fundador do Delivery Direto dá 6 dicas para restaurantes que querem começar a fazer entregas

No contexto de crescimento do setor de delivery, mais restaurantes começam a oferecer o serviço para seus clientes. Com…

By admin , in Tecnologia e Ciência , at 31/05/2016 Tags:


No contexto de crescimento do setor de delivery, mais restaurantes começam a oferecer o serviço para seus clientes. Com o cenário de crise econômica, no qual o consumidor ainda quer comer bem, mas sem gastar com bebidas ou estacionamento, o delivery tem ganhado maior representatividade na receita de estabelecimentos. Bruno Yoshimura, sócio-fundador do Delivery Direto, dá 6 dicas para os que desejam começar a “surfar na onda” do delivery e aumentar seus lucros.

DICA 1 – COMECE PEQUENO, UTILIZANDO MOTOBOYS TERCEIRIZADOS

Existem empresas especializadas em terceirizar o serviço de entrega para restaurantes. Elas se dividem em dois modelos diferentes:
A) As que fazem alocação de entregadores com cobrança por período. No caso destas, é possível agendar um teste do serviço por alguns dias.
B) As que cobram por entrega e o restaurante não terá um motoboy fixo. Existem várias empresas especializadas nesta modalidade em grandes cidades, como a Bom Pedido em São Paulo.

DICA 2 – DELIVERY ONLINE É UM GRANDE ALIADO

É interessante começar com alguma plataforma grande ou com alguma plataforma “marca branca”. Sobre plataformas grandes, o restaurante pode se plugar em sites como o Ifood ou Pedidos Já, pagando comissões que variam de 12% a 15% sobre o valor do pedido. A vantagem neste caso é que eles atraem alguns clientes novos. Já as plataformas “marca branca” não trabalham com comissões. É o caso do Delivery Direto, solução que possibilita pedidos ilimitados por um valor fixo de R$399 por mês e que já inclui diversas funcionalidades, entre elas um aplicativo customizado do estabelecimento, pois uma das vantagens das ferramentas deste tipo é a personalização da loja de delivery.

DICA 3 – DIVULGUE PARA QUEM JÁ É SEU CLIENTE

Testar o serviço de delivery com quem já é cliente do estabelecimento, com o intuito de melhorar o faturamento gerado pelo mesmo cliente dentro do período de 1 mês, é uma das soluções mais efetivas. Isso pode ser feito com panfletos na própria loja e redes sociais. Terá maior eficácia se o restaurante trabalhar com algum tipo de código de desconto, ação promocional ou programa fidelidade.

DICA 4 – TESTE EM UMA REGIÃO REDUZIDA COM ENTREGA POR BIKE OU A PÉ

Começar pequeno sem ter que lidar com entrega por motos pode ser uma boa saída em áreas de alta concentração de pessoas. Bicicletas já resolvem entregas rápidas para vários estabelecimentos. Existem empresas focadas somente neste tipo de serviço, que é o caso da Courrieros, que já atende restaurantes em São Paulo e Rio de Janeiro.

DICA 5 – FAÇA UM MENU REDUZIDO

Um cardápio reduzido, restrito a itens mais fáceis de serem embalados, que podem ser servidos não tão quentes e são rápidos de preparar, pode ajudar a logística do restaurante. Além disso, ajuda na experiência dos clientes, que vão receber os alimentos com boa qualidade para serem consumidos.

DICA 6 – FAÇA UMA PESQUISA ANTES DE COMEÇAR

Conversar com 10 clientes antes de implementar o serviço pode ser decisivo. Alguns exemplos de perguntas que podem ser feitas são:
a) Você pediria delivery se tivéssemos o serviço?
b) Onde você costuma pedir delivery e o que mais gosta desses lugares?
c) Quanto você está disposto a pagar pela entrega?
d) Quanto tempo você considera razoável para o recebimento de uma entrega?

Sobre o Delivery Direto:
O Delivery Direto é um produto da ITCapital, uma empresa Accel Partners – mesmos investidores do Facebook e maior fundo de Venture Capital do vale do Silício na Califórnia. Os aplicativos para celular desenvolvidos pela IT Capital S.A. foram premiados como os Melhores do Ano pelo Google e pela Apple em 2013, 2014 e 2015.

Comments


Deixe uma resposta


O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *