fbpx
Friday, August 14, 2020
-Smart Writers & Smart Content & Smart Readers-


Luto: o mundo dá Adeus a Nelson Mandela

Por Maíra Hirose No dia 05 de dezembro, o mundo se despediu do ex-presidente sul-africano Nelson Rolihlahla Mandela, que faleceu aos 95…

By Redação , in Mundo Política , at 11/12/2013

Por Maíra Hirose

No dia 05 de dezembro, o mundo se despediu do ex-presidente sul-africano Nelson Rolihlahla Mandela, que faleceu aos 95 anos, em sua residência em Johannesburgo. Ele, que deixou o hospital em setembro deste ano, após passar 87 dias internado para tratar uma infecção recorrente nos pulmões, estava em casa e morreu ao lado de familiares.

A notícia provocou comoção mundial, principalmente no povo sul-africano, que foi às ruas para prestar a última homenagem ao Mandela. Ele se tornou figura de destaque em todo o mundo pelo impacto de sua trajetória política e humanitária, que lhe rendeu o Prêmio Nobel da Paz em 1993.

Mandiba, como era conhecido, foi um dos principais nomes na luta contra o Apartheid – sistema de segregação racial que perdurou na África do Sul até 1992. Causa que o fez ser mantido preso por 27 anos (de 1964 a 1990), sob acusação de conspiração contra o governo sul-africano.

O grande marco de sua história e do povo sul-africano aconteceu em 1993, quando Mandela se tornou o primeiro negro e também o homem mais velho a assumir a presidência do país, na primeira eleição multirracial da África do Sul. E o mais impressionante é que a transição para a democracia sob sua liderança se deu de modo expressivamente ordeiro, algo considerado por muitos “impossível”.

Considerado como “o homem que uniu uma nação”, é inegável o exemplo que Mandela deu ao mundo. Ele foi bem-sucedido em um ponto no qual muitos falharam, visto que como político e presidente, ele uniu seu país e apesar da raiva acumulada ao longo de anos por uma maioria negra, nenhuma guerra civil foi iniciada.

 Alguns dos legados de Mandela 

“Educação é a arma mais poderosa que podemos usar para mudar o mundo”

“O que conta na vida não é mero dado de que estamos vivos. A diferença que fazemos na vida dos outros é que irá determinar o significado da vida que levamos”

“Eu aprendi que coragem não vem em um momento de ausência do medo, mas no triunfo sobre ele. Um bravo homem não é aquele que não sente medo, mas aquele que o controla”

“Em meu país, nós vamos para a prisão primeiro e depois nos tornamos presidente”

“Uma boa caneta pode nos fazer lembrar de momentos felizes em nossas vidas, trazer idéias nobres em nossas covas, nosso sangue e nossas almas. Ela pode transformar tragédia em esperança e vitória”

O Mandela pelas autoridades mundiais 

“O exemplo deste grande líder guiará todos aqueles que lutam pela justiça social e pela paz no mundo” – Presidente Dilma Rousseff

“Madiba foi uma figura singular no cenário global, um gigante da justiça e uma fonte humana de inspiração” – Ban-Ki-Moon, Secretário Geral da ONU

“Mandela não pertence a nós, pertence à história. Eu sou um dos milhões que se inspiraram nele” – Barack Obama, Presidente dos EUA

“Imensa angústia e profunda tristeza pelo falecimento de um dos maiores filhos da nossa gente” – Thabo Mbeki, ex-presidente da África do Sul

 “Ele era um grande pacificador, um homem especial nesse sentido” – Frederik Willem De Klerk, último presidente da África do Sul durante o Apartheid

© 2013, The São Paulo Times.

Comments


Deixe uma resposta


O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *