fbpx
Tuesday, July 7, 2020
-Smart Writers & Smart Content & Smart Readers-


Mulheres no comando – O desafio continua

A profissional com atuação na área de Tecnologia de Informação em empresas e consultorias nacionais e multinacionais, exerceu várias funções,…

By Redação , in Brasil Mundo News & Trends São Paulo , at 28/02/2020

A profissional com atuação na área de Tecnologia de Informação em empresas e consultorias nacionais e multinacionais, exerceu várias funções, desde programadora, à consultora de TI, gerente de projetos e gerente de pessoas. Trabalha com orientação de carreiras há 15 anos. 

Revendo a sua trajetória, mesmo com algumas conquistas, Marcia Sasdelli, neste artigo, garante, que mulher não precisou largar seu lado feminino e nem se igualar ao homem para evidenciar que possui características importantes para liderar equipes 

Quando iniciei minha carreira, era comum participar de entrevistas de emprego e sempre ouvir a mesmas perguntas: é casada? Pretende ter filhos? Era quase uma vergonha ser uma mulher casada e que gostaria de ter filhos. Uma época em que para a mulher se impor exigia muito esforço, muitas horas de trabalho e quase que era um malabarismo para conciliar a vida pessoal e a profissional. E hoje, será que a situação mudou? 

Atualmente já vemos mulheres em cargos de presidência, participando no conselho de administração, liderando equipes grandes e pequenas, mas o percentual ainda não se igualou ao do mundo masculino. Tem mais, já presenciei casos recentes em que foi comentado que determinado cliente prefere líder homem do que líder mulher, ou que é mais difícil trabalhar com mulher porque ela é responsável por levar filho ao médico e outros paradigmas. Apesar de todos comentários machistas, o mundo já percebeu que a mulher líder veio para ocupar seu espaço com determinação e sucesso! 

As empresas já reconhecem características femininas que trouxeram um tipo de liderança que alia a sensibilidade pelo ser humano à estratégia de resultados. A mulher não precisou largar seu lado feminino e nem se igualar ao homem para evidenciar que possui características importantes para liderar equipes. Usar a compreensão e a empatia para entender um funcionário, seus problemas, suas habilidades trouxe ao universo da liderança um novo conceito de motivação. 

O espaço que a mulher alcançou é mérito dela mesma 

A mulher sabe se impor sem precisar ser autoritária, diz o que pensa com elegância sem agressividade, é determinada mas sabe reconhecer quando o outro é quem está certo, aprendeu a delegar atividades de casa sem deixar de lado o que lhe é mais importante. Enfim, o espaço que a mulher alcançou é mérito dela mesma! 

Alguém vai me falar que existem mulheres agressivas, sem tato nenhum e eu digo que existe sim, porque cada pessoa é única. As competências, habilidades, características estão disponíveis para todos mas cabe a cada um, abrir a caixa de ferramentas e selecionar o que é melhor para a sua vida. Cada pessoa é responsável pelo comportamento que tem e o importante agora é compreender que o mundo é de todos: seja mulher ou homem, todos tem o seu espaço e um objetivo a ser alcançado. Tudo depende de você! 

Marcia Sasdelli, da Sasdelli Consultoria, é profissional especializada em Desenvolvimento de Carreira e Liderança, Gestão de Pessoas e de Projetos 

Comments


Deixe uma resposta


O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *