fbpx
Saturday, September 26, 2020
-Smart Writers & Smart Content & Smart Readers-


Na serie B, C e D clubes nordestinos levaram mais publico que provável publico da semi final da Copa do Brasil

Na serie B, C e D clubes nordestinos levaram mais publico que provável publico da semi final da Copa do…

By Redação , in Coluna , at 21/10/2015

allan

Na serie B, C e D clubes nordestinos levaram mais publico que provável publico da semi final da Copa do Brasil

Hoje começam as semifinais da Copa do Brasil de 2015, torneio com absurda importância para os clubes brasileiros, pois das competições nacionais esta é a que tem o caminho mais curto para a tão sonhada Libertadores de 2016. Sem libertadores os orçamentos são recalculados e muita coisa muda no planejamento de um time.

No oposto do luxo das novas arenas dos grandes clubes estão as demais divisões do futebol brasileiro. Com raras exceções, os estádios de serie B, C e D foram inaugurados no século passado e tiveram até hoje apenas algumas poucas reformas. Luxo com absoluta certeza é o que não temos nesses estádios.

Porém não é difícil ver a série A perdendo em publico na comparação com Remo, Santa Cruz, Fortaleza, Ceará , Paysandu, Bahia e outros. O maior publico da serie B até aqui, e não é do glorioso Botafogo, é do fenômeno Santa Cruz que levou para o arruda 43 mil pessoas no jogo de estreia do atacante Grafite. Ceará, Bahia e Paysandu são outros que já colocaram mais de 30 mil torcedores em alguma partida da serie B.

Na serie C e D também temos algumas torcidas que merecem destaque. Vila Nova com os três maiores públicos da terceira divisão é um desses destaques e deve bater o recorde de publico na semifinal com mais de 35 mil torcedores presentes. Na serie D a torcida azulina do Remo, que já colocou mais de 30 mil pessoas neste final de semana, deverá ficar com os maiores públicos da ultima divisão nacional do Brasileiro, lotando o Mangueirão na semifinal e na possível final.

Voltando para as semifinais, em que temos quatro gigantes do futebol brasileiro, corremos o risco de apenas um ter mais de 30 mil pessoas no estádio. Casa cheia seguramente deverá ser a do Palmeiras na próxima quarta feira, se nada correr fora das recentes medias de publico do Palmeiras.

No duelo entre Fluminense e Palmeiras por exemplo, até a véspera da partida, 24 mil ingressos tinham sido comercializados. Na outra partida das semifinais, entre São Paulo e Santos, a ultima parcial apontava para 14 mil ingressos vendidos. Isto mesmo, não deveremos ter nem 30% do Morumbi cheio para o clássico que vale a final da Copa do Brasil.

É melhor deixar pra lá a historia dos gigantes (?) do futebol brasileiro. O melhor é parabenizar a torcida dos clubes nordestinos que levam 20, 30 e até 40 mil torcedores em jogos da serie B, C e D. O futebol no nordeste é um show, mesmo disputando competições secundárias. Que consiga o acesso a maior quantidade possível de times do nordeste, queremos estádios cheios e com vida. Lá sabemos que tem, aqui é esperar para ver se a final da Copa do Brasil vai encher estádio.

Siga a coluna no instagram @deolhonosgramados e também no twitter @olhonosgramados.

__________________________________________________________________________________________________________
Allan Moran. Pós graduado em gestão e marketing em entidades esportivas. Complementou o mesmo curso na Universidad Europea de Madrid e é sócio da Trivela Sports. ©2014.

Comments


Deixe uma resposta


O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *