fbpx
Monday, April 6, 2020
-Smart Writers & Smart Content & Smart Readers-


Pesquisa: número de demissões é maior do que o de contratações nas micros e pequenas indústrias de São Paulo

A 15ª rodada do Indicador de Atividade da Micro e Pequena Indústria de São Paulo, encomendada pelo Sindicato da Micro…

By Redação , in Negócios São Paulo The São Paulo Times , at 24/06/2014

A 15ª rodada do Indicador de Atividade da Micro e Pequena Indústria de São Paulo, encomendada pelo Sindicato da Micro e Pequena Indústria do Estado de São Paulo (Simpi-SP), mostra o alto índice na previsão de demissões, 25%, ante 14% registrado no mesmo período do ano passado.

A piora significativa no cenário do emprego também aparece na comparação mês a mês entre as empresas que empregam de 10 a 50 funcionários. De acordo com o Índice de Contratações e Demissões das MPIs do Estado de São Paulo, houve queda de 147 pontos para 124 pontos. O número atual é mais baixo do que o verificado em junho de 2013, quando ocorreram as grandes manifestações.

O desempenho negativo na categoria não se refere apenas ao aumento do número de demissões. A pesquisa mostra, ainda, que houve alta de 23% no número de empresários pessimistas com a conjuntura econômica, quando comparado ao mesmo período do ano anterior. Em maio de 2013, o índice era de 5%, ante 28% revelado pela rodada atual.

“O preocupante é a deterioração do mercado interno com os consequentes reflexos sobre produção e emprego, sendo mais do que necessárias medidas urgentes de reaquecimento da economia”, analisa o presidente do Simpi-SP, Joseph Couri.

O cenário mais pessimista verificado entre os dirigentes das micros e pequenas indústrias reflete na avaliação do governo.

A Pesquisa

A pesquisa do Indicador de Atividade da Micro e Pequena Indústria de São Paulo, encomendado pelo SIMPI e efetuada pelo Datafolha, foi realizada entre os dias 05 e 22 de maio, com 316 micros e pequenas indústrias paulistas. São consideradas micros as indústrias que empregam até nove funcionários, e pequenas, de 10 a 50 trabalhadores registrados.

Comments


Deixe uma resposta


O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *