fbpx
Thursday, July 9, 2020
-Smart Writers & Smart Content & Smart Readers-


Rádio ainda é a principal vitrine para novas músicas

Pesquisa Hibou revela que 70% dos entrevistados descobrem novas músicas e artistas pelas rádios brasileiras e não por meios onlines….

By Redação , in Brasil The São Paulo Times , at 23/03/2014 Tags:,

Pesquisa Hibou revela que 70% dos entrevistados descobrem novas músicas e artistas pelas rádios brasileiras e não por meios onlines.

Chega a Era do tudo junto e misturado. No entanto, mesmo com toda a mobilidade digital, aplicativos, sites de músicas, o rádio ainda domina no Brasil quando o assunto é a descoberta de músicas novas. Em pesquisa recente da Hibou, empresa de monitoramento de mercado, observou-se que 70% dos brasileiros usuários de iPhone, ainda têm conhecimento de novos hits quando ouvem na rádio. “Vimos também que 50% dos entrevistados conhecem uma nova música por meio de amigos e apenas 35% pela Itunes Store. O rádio ainda é o meio mais eficaz de divulgação de artistas novos e lançamento de hits” explica Ligia Melo, sócia da Hibou e coordenadora da pesquisa.

Segundo dados da Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República publicados pelo observatório de imprensa, a rádio continua sendo a principal mídia do país em 2014. 60% da população brasileira escutam rádio ao menos uma vez por semana. 

Smartphones

Os resultados da pesquisa Hibou comprovam que os celulares são a ferramenta musical preferida dos usuários. 80% dos entrevistados usam seus aparelhos para ouvir música e 8% também utilizam outros dispositivos. Desses, 50% criam playlists próprias para cada situação: trabalho, academia, relaxamento, etc.

A média de músicas nos smartphones são 400 músicas. Quase 50% dos entrevistados não compraram nenhum CD no último ano.  No entanto, a média de CDs comprados é de três unidades ao ano.

“Ficamos surpresos com este resultado, pois mesmo com a música digital ainda existem pessoas que preferem comprar cd’s dos artistas prediletos” comenta Lígia Mello, sócia da Hibou e coordenadora da pesquisa.

“Outro dado interessante que encontramos é que apenas 1/3 das pessoas assina algum tipo de portal para ter acesso a músicas via web.” complementa Lígia.

Comments


Deixe uma resposta


O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *