fbpx
Tuesday, September 22, 2020
-Smart Writers & Smart Content & Smart Readers-


Varejistas online têm mais uma opção para vender na internet

O e-commerce é um dos segmentos mais promissores na economia. Só no Brasil, ele movimentou mais de R$35 bilhões no…

By Redação , in Brasil Negócios News & Trends Tecnologia e Ciência , at 12/11/2015

O e-commerce é um dos segmentos mais promissores na economia. Só no Brasil, ele movimentou mais de R$35 bilhões no ano passado e, de acordo com relatório WebShoppers, realizado pela E-Bit, o volume de pedidos feitos via internet chegou a 103,4 milhões, resultado 17% superior ao apresentado em 2013. Neste ano, mesmo com a crise econômica, o segmento segue aquecido e com previsão de crescimento na casa dos 2 dígitos, segundo o mesmo relatório. Foi com base nessa demanda e nas necessidades de quem vende na internet, que a Ecommet, startup paulista de desenvolvimento de sistemas e gestão para e-commerce lançou a ‘Becommerce’. Trata-se de uma plataforma que permite aos lojistas administrarem todas as suas vendas online, independente do canal de venda, dentro de um único portal.

becommerce.com.br
becommerce.com.br

A empresa elaborou uma plataforma em nuvem que simplifica e centraliza as operações de venda online, possibilitando ao médio e pequeno lojista gerenciar todos os processos relacionados à administração dos pedidos, clientes, controle de produtos e estoque. A Becommerce também atua a organização de campanhas, sem a necessidade de ter sistemas separados, instalados no computador ou múltiplos locais de configuração. “O sistema permite uma organização sem precedentes para os lojistas online, uma vez que a plataforma funciona como um funil, com todas as vendas caindo no mesmo local”, informa Frederico Flores, CEO da Ecommet.

A nova plataforma, que significa “seja e-commerce”, foi produzida com tecnologia de ponta, garantindo um funcionamento rápido e seguro. O sistema inova, ainda, ao ter um layout responsivo que possibilita o vendedor ter um site e um admin adaptado ao celular, tablet ou computador, gerando melhor experiência tanto para o lojista, como para o cliente. “Foram mais de 10 meses de estudo e desenvolvimento antes de lançarmos a versão final. Trabalho que envolveu 20 profissionais diretos, entre eles 5 consultores especializados em e-commerce” garante Frederico.

Outras funções que exigem a utilização de sistemas diferentes estão inseridas na plataforma: o lojista pode emitir todas suas notas fiscais, criar e programar as campanhas de e-mail marketing, além de ter acesso a múltiplos canais de venda como MercadoLivre, B2W, Groupon, Extra.com, Ponto Frio e Walmart, com apenas alguns cliques dentro da Becommerce, o grande destaque da plataforma. Atividades manuais, que ocupam o tempo dos empreendedores, são feitas de forma massiva e extremamente rápidas dentro do sistema, que além de agir como uma espécie de Hub de canais de venda, ainda automatiza funções como cadastro de produtos em cada Marketplace, atendimento de clientes, resposta de chamados e perguntas, qualificações e monitoramento de concorrentes.

Mais de 700 empresas já usam o sistema para gerenciar suas vendas exclusivamente dentro do MercadoLivre, usando soluções da Ecommet. “Agora chegou a hora de nossos clientes também gerenciarem seus outros canais de venda aqui dentro, através da Becommerce”, acrescenta Flores. A estimativa, segundo a startup é que até o final do ano, 100 lojistas já estejam utilizando a nova plataforma.

A Ecommet conta com 66 funcionários, mais de 1000 clientes ativos e prevê o fechamento de 2015 com faturamento de R$ 8 milhões: um crescimento de 75% em relação ao ano passado.

Para saber mais e conhecer a plataforma, acesse www.becommerce.com.br

Comments


Deixe uma resposta


O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *