Connect with us

Wine.com.br é uma das empresas mais inovadoras do Brasil

Published

on

Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

A operação de e-commerce de vinhos que foi lançada há pouco mais de cinco anos no Brasil, a Wine.com.br que tem como sócia a e.Bricks Digital, ocupa a sétima posição entre as empresas mais inovadoras do país segundo estudo da DOM Strategy Partners – consultoria focada em estratégia corporativa. A empresa ainda ocupa o 2ª lugar entre os e-commerces e é a única da área de vinhos.

Este foi o resultado de pesquisa feita com as 500 maiores empresas do Brasil, em diferentes setores da economia, que identificou as práticas mais inovadoras no relacionamento com o cliente. O estudo detalhou o foco da inovação gerada pelas organizações, como é percebida pelo público, além da maneira que é traduzida em práticas e modelos de negócios.

O resultado deu origem ao ranking inédito “As 50 empresas mais inovadoras do Brasil”, que traz a avaliação em 14 segmentos distintos. A Wine.com.br recebeu a pontuação 9,01 de 10. Segundo a empresa responsável pela pesquisa, o grupo de empresas mais bem pontuados com notas acima de nove, possui estratégia planejada de inovação a partir da percepção, avaliação e recomendação de seus consumidores. No top 10 geral da lista estão: O Boticário, NetShoes, Chilii Beans, Dilleto, Nespresso, Albert Einstein, Wine.com.br, Bradesco, Whirlpool e Habib’s.

Para Rogerio Salume, presidente e um dos fundadores da Wine.com.br, “esta colocação na pesquisa é um reconhecimento pelo esforço de cada um que trabalha com a gente e divide conosco nosso objetivo de descomplicar e democratizar o vinho em nosso país”.

A pesquisa foi baseada nas premissas de inovação apresentadas na metodologia IAM AIR – Adequação, Incremento e Ruptura. O método, desenvolvido pela consultoria, combina a mensuração do valor e resultados potenciais das inovações em três dimensões, classificadas por Clayton Christensen: Adequação – as empresas buscam se equiparar aos padrões do mercado para simplesmente não serem passadas para trás; Incremento – quando criam vantagem competitiva, mirando novos nichos pouco explorados; e Ruptura- aquela em que uma empresa nova no mercado, ao invés de tentar vencer os concorrentes, muda as regras da competição de um determinado setor, abrindo novo caminho.

Advertisement

Continue Reading
Advertisement
Advertisement
Advertisement

Copyright © 2023 The São Paulo Times